Por Filipe Sousa 

 

Versão para Ribeirão Preto da Limeira Patchwork rendeu experiências satisfatórias; público recebeu bem o evento

 

A D.A. Produções e Eventos, em sequência a um dos seus principais objetivos que é o de encontrar demandas de eventos e atendê-las, colocou em prática a intenção de disponibilizar para Ribeirão Preto (SP) e região uma versão da feira Limeira Patchwork, iniciativa já tradicional do segmento e que acontece em Limeira (SP) desde 2010. A Limeira Patchwork em Ribeirão aconteceu nos últimos dias 11, 12 e 13 de outubro no Centro de Eventos do RibeirãoShopping. Foram quase 60 expositores nesta que foi a primeira feira organizada pela D.A. Produções e Eventos fora de Limeira. A entrada, assim como nas feiras anteriores, foi gratuita. O público presente no evento foi outro fator de destaque, assim como também o número de caravanas.

Ribeirão Preto é a maior cidade em número de habitantes em uma região metropolitana que conta com 34 municípios, no entanto, se for levado em conta a antiga divisão que o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) chamava de Mesorregião, todo o conglomerado possui mais de 60 cidades. Ribeirão Preto também é, em todo este plano, a cidade mais forte economicamente, tanto que tem, também de acordo com o IBGE, o 24º maior PIB (Produto Interno Bruto) do país conforme dados divulgados em 2017. Tamanha a robustez da cidade e seu entorno, a D.A. resolveu oferecer a este público uma versão da Limeira Patchwork que, atualmente, em número de estandes e público, é considerada como a maior feira especializada em patchwork do Brasil.

A expositora Fátima Araújo Góis participou de feiras da D.A. Eventos pela primeira vez. “Para nós foi excelente. O espaço é muito bom, um clima legal, movimento satisfatório. Está maravilhoso e superou nossas expectativas”, afirmou Maria que é de Ribeirão Preto mesmo e participou pelo estande Ateliê Peralima & Ateliê 1000e1 Artesanatos.

Fátima elogiou o evento e conseguiu bons resultados

Walkiria Klimeika, que já participa das feiras de Limeira desde edições anteriores, igualmente compartilhou relatos positivos. Walkiria ministrou cursos no evento. “As Oficinas Feltcolor superaram as expectativas tendo 193 alunas durante os três dias. Todas as aulas tiveram oportunidades para o conhecimento, materiais inovadores e muita alegria. O espaço disponibilizado pela organização me agradou bastante. Totalmente climatizado e com muito conforto”, declarou Walkiria.

Walkíria Klimeika (centro) aplicou oficina para quase 200 pessoas ao longo dos três dias de feira

A ribeirão-pretana Lucy Mari Thomaz aprovou a variedade de tecidos. “Gostei muito, é uma feira agradável e gostosa. Chamou a atenção a variedade de tecidos. Em média devo ter gasto uns R$100,00 aqui na feira”, afirmou.

A feira dedicou um espaço especial para o Concurso Limeira Em Patchwork 2018, foram expostas as 12 obras melhores colocadas. A temática “Poesia e Patchwork” propôs aos artistas a produção de arte-têxtil que homenageasse a poesia de algum autor brasileiro. Em setembro, na feira em Limeira, uma primeira versão da exposição, com as 27 obras, foi exposta para o público.

A Limeira Patchwork em Ribeirão contou com total apoio de realização do CPP (Centro do Professorado Paulista – Regional de Limeira).

 

Veja algumas fotos: 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *